Assembleia Provincial

21

Nos dias 27 e 28 de agosto, reuniram-se 41 irmãs, em Fátima, em Assembleia Provincial, com os seguintes objetivos:

  • Revitalizar a nossa missão e recriar o carisma, abrindo-nos à novidade que o processo de reorganização nos oferece.
  • Continuar a fazer caminho de missão partilhada leigas/os e irmãs.
  • Situar-nos e implicar-nos irmãs e leigas/os no momento de reorganização que estamos a viver.
  • Apresentar propostas para o Projeto de Missão da nova província.
  • Fomentar a máxima participação possível com respeito à elaboração do Projeto de Missão a nível provincial e comunitário.
  • A Assembleia teve início com as palavras de abertura da Irmã Provincial, Maria Isabel da Rocha Lopes

 

Queridas Irmãs,

É com muita alegria e um profundo sentimento de gratidão ao Senhor, que acolho a cada uma em particular. Quero dar-vos as Boas Vindas a todas as que aceitastes o convite para participar nesta Assembleia Provincial de 2015. Aqui estamos, juntas, em comunidade alargada, sentindo-nos unidas a todas as nossas irmãs da Província que, por vários motivos, não podem estar connosco, nomeadamente, as nossas irmãs doentes e aquelas que assumem a missão de as cuidar.

Desejamos que esta Assembleia seja o lugar por excelência de escuta da voz do Espírito e da partilha. (...)

O processo de reorganização das províncias da Europa iniciou há mais de um ano. Neste processo, vamos constatando a participação ativa e concreta de cada irmã. Tal dinamismo, comunhão e responsabilidade vêm sendo um impulso, um sinal do esforço em viver a dinâmica, fiel ao nosso Carisma Teresiano nos diferentes lugares onde nos situamos. (...)

O tema da nossa assembleia está baseado no documento: "Uma boa notícia para Europa". Num dos pontos deste documento, são-nos apresentados alguns sonhos concretos, que apontam para a vivência de uma vida religiosa teresiana mais autêntica, dos quais passo a citar alguns mais expressivos:

  • Sonhamos uma vida religiosa teresiana centrada em Jesus, crente, evangélica e evangelizadora, profética, alegre e feliz.
  • Sonhamos uma vida religiosa teresiana aberta à realidade, encarnada, que vive a sério a dimensão comunitária, em comunidades abertas, plurais e acolhedoras que facilitem novos modos de vida religiosa em missão.
  • Sonhamos uma vida religiosa teresiana que vive e partilha o carisma educativo e partilha a vida e o carisma com os leigos e com a Família Teresiana, e procura responder aos desafios do mundo e da Igreja do hoje.
  • Sonhamos uma vida religiosa teresiana que opta por uma economia em favor do ser humano, trabalha pela justiça, colocando-se ao lado dos excluídos.
  • Todos estes sonhos nos indicam o caminho a percorrer nos próximos anos. Exigem que iniciemos um processo de renovação pessoal e comunitário da nossa vida consagrada, mais centrada em Jesus Cristo, a partir das suas atitudes de amor, obediência e entrega. (...)

Isabel Rocha, stj

A Assembleia decorreu com momentos de oração, reflexão individual e em grupo sobre os âmbitos do Projeto de Missão: ação social, catequese, escolar e espiritualidade.